ERASMO SHALLKYTTON

O POETA É O SENHOR DE TODAS AS EXALTAÇÕES HUMANAS

Textos


Não fique triste! Não chore amor!

O meu amor se fortalece junto a ti,
A distância não me ultrapassa,
Máculas irão ficar nas areias,
Apagadas pelas águas do mar.

Não fique triste! Não chore amor!
Ainda vou te beijar como as ondas,
Enlouquecidas beijam as praias,
Fortalecendo os nossos desejos.

Sinto os teus passos nas areias,
Levemente na cor azul do alto-mar,
Rebatendo em teus meigos pés,
O silêncio que ruge dentro de ti.

Não fique triste! Não chore amor!
Olhe para o horizonte e vejas,
A minha face refletida em teus olhos,
Na comunhão dos teus sonhos.

O passado, o presente e futuro,
São sementes do nosso amatório,
Nada afastarão os nossos sentimentos,
Guardados na imensidão deste confessório.

Não fique triste! Não chore amor!
Ainda que o tempo escureça as pupilas,
Mandar-te-ei milhões de estrelas,
Clareando os teus formosos passos.

Amor! Eu sou o teu plano paralelo,
Em qualquer dimensão do cósmico,
Aonde tu andares, verá o meu amor,
Relampejando no tempo e espaço.

Fico feliz em sentir os teus passos,
Suaves e serenos na orla da praia,
E o meu amor se fortalece junto a ti,
Na distância que não me ultrapassa.

Saiba que as magoas são efemérides,
Não viverás nesta eterna soledade,
O mundo gira em tua volta,
E tu flutuas dentro do meu coração.

Não fique triste! Não chore amor!
Nada acabou, eu sou a tua eternidade,
Pois, a vida é uma gigantesca embarcação,
Levando alegrias e tristezas da humanidade.

A paz são todos os teus movimentos,
Na serenidade dos atos em que tu vives,
Ah! Se eu pudesse! Não haveria desamor,
Somos bárbaros, cruéis e humanitários.

Sabemos que a dor não poderá ser sentida,
Se não quisermos ofender o nosso irmão.
Mas, a luta armada desconhece a razão,
Puro misticismo do homem natural.

Sem sombras de quaisquer dúvidas,
Fico feliz em sentir os teus passos,
Suaves e serenos na orla da praia,
Vão partindo no elo do compasso.

Não fique triste! Não chore amor!
Nada acabou, eu sou a tua eternidade,
Guardar-te-ei nas minhas emoções,
Frutificando os lenços da amabilidade.

Não olhe para trás, siga em frente,
Para que o tempo não se modifique,
Venha! Venha na orla deste precipício,
Levar-te-ei comigo nestas profundezas.

Não fique triste! Não chore amor!
Sorria! Eu estou aqui pra te amar,
Amor! Eu sou o teu homem do mar,
Beija-me sem cansar o teu maior oceano

Sentes o meu sentimento naufragando,
Dentro do teu corpo despido nas águas,
Sorria! Eu estou aqui pra te amar,
E vou navegando nesta bela mulher.

Que muito me ama e me quer,
Por isso, farei uma rainha do mar,
A mais bela mulher de todos os oceanos,
Somente assim, não ficarás tão só.


Vídeo:

http://www.youtube.com/watch?v=9pglc0sokC8



ERASMO SHALLKYTTON
Enviado por ERASMO SHALLKYTTON em 18/06/2007
Alterado em 02/12/2012

Música: And me - Michael Jackson

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras